segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Agentes Ambientais apreendem mais de 100 aves que eram mantidas em cativeiro no Litoral do PI

 Durante os dias 14 e 15, Agentes de fiscalização da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, juntamente com a coordenação regional em Parnaíba e a Polícia Ambiental, realizaram um operação que resultou na apreensão de mais de 100 aves silvestres no litoral do Piauí. 
A intervenção foi motivada por denúncias feitas com relação ao desmatamento e o derramo de dejetos nas regiões ribeirinhas.
Participaram da operação o Major Albino, comandante da operação e subcomandante do Batalhão de Polícia Militar; o tenente da Polícia Militar David, coordenador de fiscalização e vistoria da Polícia Militar Ambiental e subcomandante da operação; o tenente da Polícia Militar Ambiental Iratan; o sargento da Polícia Militar F. Oliveira; o Eduardo, fiscal ambiental da Semar; e o coordenador regional da Semar em Parnaíba, Rarisson Albuquerque.
Os fiscais perceberam que havia muitas aves silvestres em cativeiro em moradias da região litorânea e fizeram as apreensões. Segundo Rarisson Albuquerque, coordenador regional da Semar em Parnaíba, foram feitas várias denúncias sobre o desmatamento e o despejo de resíduos nos rios que passam pela região, com isso foi montada uma ação para fiscalizar e coibir tal conduta. As denúncias que foram encaminhadas à Semar eram tanto as recebidas na gestão atual como da anterior. O secretário estadual Ziza Carvalho atendeu prontamente a solicitação do Escritório Regional de Parnaíba.


Porém, outro problema ficou evidente, vários pássaros silvestres estavam em cativeiro, e os proprietários não dispõem de licença. Os animais eram capturados para serem criados em casa e outros para vender. Foram realizadas apreensões de aves que estavam sob responsabilidade de mais de 40 pessoas. Em seguida, as aves foram soltas pela equipe na região do povoado Olho D’água, zona rural de Parnaíba. No momento das vistorias, a equipe ainda autuou dois postos de lavagem por estarem funcionado irregularmente.
De acordo com Rarisson, as fiscalizações continuam. O coordenador regional informou ainda que foram implantadas 130 placas de meio ambiente entre Parnaíba e Barra no município de Cajueiro da Praia. Partindo de Teresina totalizam 160. São placas utilizadas para orientar e incentivar a conscientização na preservação do Meio Ambiente e de boa conduta no trânsito.
Portalcostanorte.com
Edição: Proparnaiba.com