quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Eletrobras prorroga prazo para negociar dívidas de usuários

A Eletrobras Piauí está prorrogando o prazo da campanha de negociação das dívidas, que se encerraria no dia 30 de dezembro de 2015. Até o momento, apenas 4 mil consumidores procuraram a empresa para negociar os débitos, que somam R$ 150 milhões somente nos últimos 12 meses. Somando-se à estimativa dos valores não pagos por furto de energia (R$ 120 milhões), o prejuízo, segundo a Eletrobras, é de R$ 270 milhões.
O novo prazo se encerra no próximo dia 15. "Estamos fazendo um chamamento, para que nossos clientes nos procurem para quitar os débitos. Nossas condições são atrativas e esse prazo não será novamente prorrogado", disse o assistente da diretoria da Eletrobras, Antônio Pereira. As condições de negociação são as seguintes:
- 100% de desconto de juros e multas para pagamento à vista
- 50% de desconto de juros e multas no caso de parcelamento dos débitos, com entrada de pelo menos 10% do valor total. 
Atualmente, 550 mil consumidores piauienses estão em dívida com a Eletrobras. Do total de consumidores ativos no estado, apenas 40% pagam o carnê dentro do prazo de vencimento. "Não há valor mínimo para negociação", completa o assistente da diretoria.
Cidade Verde