segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Ex-prefeita de cidade do Piaui é presa após se apresentar à polícia

            Em 2013 ela foi condenada por improbidade administrativa.
A ex-prefeita de Marcos Parente, Juraci Guimarães, que estava foragida, se apresentou no final da tarde desse domingo (10) na sede da Polícia Civil em Teresina com seu advogado. Ela foi acusada de ter patrocinado uma festa no município de Landri Sales para promover campanha política e acabou sendo condenada em julho de 2013 por improbidade administrativa.
Em novembro de 2013, o Superior Tribunal de Justiça concedeu Habeas Corpus para diminuir a pena da ex-prefeita de 9 anos e 4 meses em regime fechado para 6 anos e 8 meses em regime semi-aberto.
Segundo familiares, a ex-prefeita sofreu perseguição política de seus adversários tanto em Marcos Parente como em Landri Sales, onde seu filho Joedison foi prefeito. Os dois chegaram a serem presos na Operação Geleira da PF, mas nenhum dos dois foram denunciados. Eles acreditam que o fato foi uma jogada política para denegrir suas imagens.
Em Marcos Parente, Juraci Guimarães foi prefeita por três vezes. Antes de sair da prefeitura ela conseguiu eleger, em 2008, seu sucessor, o atual prefeito cassado Manoel Emídio de Oliveira, que se tornou adversário e grande inimigo político da ex-prefeita.
Agora, Juraci Guimarães, que passou mais de 2 anos foragida, já se encontra presa e cumprirá a pena em Teresina.
Portal ODIA.com