terça-feira, 29 de março de 2016

Descontrolado, homem toca fogo em duas motos e uma bicicleta, em Cocal PI; Veja o vídeo

Motocicleta é incendiada em Cocal Imagem: Reprodução/Blog do Coveiro
O acusado ainda tentou agir de má fé, denunciando o proprietário dos veículos, com quem teve uma discussão, mas acabou preso dentro do distrito policial. Um homem identificado como Francisco Alves Vieira, 39 anos, mais conhecido como “Zé Pequeno”, foi preso ao tentar realizar um boletim de ocorrência (B.O) contra dois primos com os quais teve uma briga no último domingo (27), na cidade de Cocal, norte do Estado. Assista o vídeo:

No entanto, quando os outros dois envolvidos se direcionaram até a delegacia para relatar a queixa de dano qualificado, devido Francisco Alves ter ateado fogo nas motos dos primos identificados como Rodrigo e Daniel, a autoridade policial terminou dando voz de prisão em face da contradição entre o depoimento das vítimas, testemunhas e de Francisco, que agiu de má fé ao denunciar os primos por injúria e ameaça.
“Já é de costume dele, quando apronta, pelo menos dizem as pessoas, que ele se antecipa e vai até a Delegacia para contar a versão diferente, agindo de má fé. Na hora que ele estava aqui, as vítimas estavam prestando depoimento, dizendo tudo ao contrário. Eu já fiz um procedimento dele outra vez, outros policiais militares relataram que ele tem confusão com todo mundo por vários crimes (…) injúria, ameaça e dano qualificado, que foi o último”, disse o Policial Civil, Walter Brune ao GP1.

Os crimes
O fato iniciou após uma discussão envolvendo uma irmã de Zé Pequeno e os dois homens que são primos. Vítimas e testemunhas relataram que Zé Pequeno estava embriagado quando chegou ao local para tirar satisfações. Armado com um pedaço de madeira, ele ameaçou os primos, que diante da situação, acabaram correndo.
Em seguida, o acusado ateou fogo provocando a perda total de duas motocicletas, uma modelo Honda BIZ 125 EX, ano 2013, de cor branca, pertencente a Rodrigo; e uma Honda POP 100cc, ano/modelo 2007/2008, de cor azul, de propriedade de Daniel, além de ainda ter incendiado uma bicicleta de um tio das vítimas.
Denúncia
Zé Pequeno acabou preso dentro do Distrito Policial e a Delegada Daniella Dinali arbitrou uma fiança de R$ 5.280,00, equivalente a seis salários mínimos. Somente após o pagamento Francisco Alves foi liberado.
Fonte: Jornal da Parnaíba
e Blog do Coveiro