quinta-feira, 3 de março de 2016

Presos forçam fuga e ateiam fogo em uma cela da Central de Flagrantes, em Parnaíba

   A rebelião foi contida após intervenção policial. Foto: Portal do Catita
Presos que se encontram reclusos na Central de Flagrantes se revoltaram e promoveram uma manifestação hostil no início da noite desta quarta-feira (02/03). Os homens forçaram as grades de proteção e atearam fogo na cela.
O motivo do protesto foi a interrupção das visitas, pois, para aumentar a segurança, a secretaria de Justiça do Piauí passou a oferecer quentinhas.
A iniciativa se deve a superlotação já que há 45 presos na Central de Flagrantes e a penitenciária mista de Parnaíba também se encontra superlotada e passando por reformas. Com a iniciativa drogas ou outros objetos deixaram de entrar na delegacia e não houve tanta necessidade de revistas. No momento da rebelião os presos queriam fugir das celas.
Um reforço da Polícia Militar, incluindo a Força Tática, foi solicitada e enfrentou os revoltosos, junto aos policiais civis. Dos presos foram separados doze homens que seriam os promovedores da manifestação. Estes ficaram em uma cela separados dos demais e com restrições temporárias pela conduta ruim. A situação foi controlada.
Por Daniel Santos
Portalcostanorte