quinta-feira, 14 de abril de 2016

Exonerado para votar contra impeachment, Fábio Abreu diz que está indeciso

Exonerado do cargo de Secretário de Segurança, para votar contra o impeachment de Dilma Rousseff (PT), o capitão Fábio Abreu (PTB) já figura em lista de indecisos na Câmara Federal. 
Sua ida a Brasília, bem como a de Rejane Dias, tinha como objetivo ganhar mais dois votos para barrar o impeachment, uma vez que os suplentes Silas Freire (PR) e Mainha (PP) eram tidos como inconfiáveis.
Os decretos de exoneração de Fábio Abreu (foto) e de Rejane foram publicados no Diário Oficial do Estado no último dia 13. Fábio havia assumido com o governador Wellington Dias, o compromisso de votar a favor da presidente, mas em Brasília o seu partido fechou questão pela admissibilidade do impeachment.
Neste momento o PTB se reúne na capital federal, onde seus dirigentes reafirmam o compromisso de votar a favor do impeachment, levando Fábio Abreu a tender romper o compromisso com o governado, deixando ainda uma incógnita no ar. Procurado ele não tem atendido ao telefone. 
Já se especula que caso Fábio Abreu vote pelo impeachment de Dilma, ele não retorne mais ao cargo de Secretário de segurança.
Fonte:AZ