domingo, 10 de abril de 2016

Fábio Abreu deixa Secretária de Segurança para votar contra o impeachment

O secretário estadual de Segurança, Fábio Abreu, também confirmou que deixará temporariamente a pasta para lutar em Brasília contra impeachment da presidente Dilma Rousseff. Além do secretário, a secretária estadual de Educação, Rejane Dias, também pediu afastamento temporário do cargo. 
"Não concordo com o processo de impeachment. Sou contra o processo que está em votação na comissão. Sou contra ao processo que deram entrada contra o próprio vice-presidente. Sempre que houver um assunto de interesse nacional e do mandato, eu posso me afastar, me manifestar, ir a Brasília..fazer meu papel em relação ao que eu julgar que seja importante. Isso foi um acordo com o próprio governador", disse Abreu. 
O retorno de Fábio Abreu (PTB) forçará o suplente Silas Freire (PR) a deixar a Câmara dos Deputados. A exoneração dos dois gestores deve ser publicada no Diário Oficial do Estado até terça-feira (12).
Cidade Verde