segunda-feira, 2 de maio de 2016

Carreta carregada de cachaça tomba, colhe casal em uma moto e explode na BR-402, em Luis Correia-PI

Uma carreta transportando bebida alcoólica virou e explodiu instantes depois, por volta das 18h30 deste domingo (01/05), no quilômetro 92 da BR-402, no povoado Lagoa do Camelo, zona rural de Luís Correia, após passar em uma curva. O veículo longo caiu em frente à igreja São Gonçalo. O veículo era uma Scania/G 380 A4X2, modelo 2010, de cor branca, placa CUB 3508 São Gonçalo (RJ), que estava acoplada em uma carreta bitrem SR/Librelato Cacaencr 3E, modelo 2013, de cor preta, placa 2775 São Gonçalo (RJ). O veículo era conduzido por Luiz Carlos Devillart, 60 anos de idade.
 Segundo informações de moradores, o veículo passou pela curva, com o peso declinou e seguiu se arrastando pela rodovia. Naquele momento colheu um casal que estava em uma motocicleta Honda/POP 100, modelo 2008, de cor vermelha. Segundo Cláudio Soares, morador do povoado, ele e outros homens se utilizaram de paus para ajudar a retirar o motorista de dentro da Scania. A vítima estava muito ferida, provavelmente perca o braço direito. Quando era realizado o resgate do condutor, as explosões iniciaram, deixando os homens preocupados; mas conseguiram retirar a vítima.
Após uma intervenção do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) da planície litorânea do Piauí, Luiz Devillart foi levado para o município de Chaval (CE) e depois para Barroquinha (CE). O casal ferido foi levado para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), em Parnaíba (PI). Quanto a moto, ficou carbonizada. O Corpo de Bombeiros Militar, comandada pelo major Rivelino Moura debelou o incêndio que destruiu totalmente a carreta. A cada instante haviam pequenas explosões das garrafas de aguardente, enquanto isso moradores saqueavam o restante das bebidas.
O Corpo de Bombeiros Militar tomou providências para que não houvesse mais nenhuma explosão perigosa. Segundo o major Rivelino, a alta velocidade foi um dos fatores que colaborou para que o veículo tombasse. Alguns moradores comentaram que Luiz Devillart tinha ingerido bebida alcoólica no município de Chaval e, em seguida, continuou viagem. A Polícia Rodoviária Federal liberou a rodovia depois de o Corpo de Bombeiros alertar que não havia mais perigo.
Fonte: Portal Costa Norte