domingo, 12 de junho de 2016

Polícia Militar desarticula quadrilha acusada de receptação de veículos em Parnaíba

A Polícia Militar desarticulou um esquema de receptação de veículos no final da tarde de sábado (11/06) no povoado estreito, zona rural de Buriti dos Lopes. Os policiais prenderam Eduardo Oliveira Cardoso, Bryan de Araújo Veras, e Fábio Eduardo Fonseca Rocha, conhecido “Fabão”.
A Polícia Militar, através do cabo Pedrosa, tomou conhecimento pela manhã de ontem de que uma moto roubada estava sendo negociada no município de Murici dos Portelas. O cabo Pedrosa solicitou ajuda ao sargento Jesus Carvalho para que juntos fizessem uma intervenção.
Os militares montaram uma barreira policial por volta das 16h30 e, por coincidência, abordaram uma mulher muito nervosa, que conduzia um moto Fan de cor preta. Ao ter placa verificada no Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública, Prisionais e sobre Drogas (Sinesp), foi constatada a restrição de roubo, ocorrido no dia 09 deste mês.
A condutora disse tinha dado sua moto de modelo 1998 e mais R$ 900 como parte da negociação. Informou ainda que ao chegar em casa, descobriu que a moto era roubada e foi pega no exato momento em que estava retornando para desfazer o negócio. Revelou sem delongas que adquiriu a moto com Eduardo Oliveira Cardoso.
A mulher foi orientada pelos policias para que exigisse que Eduardo fosse até sua casa, no povoado Estreito, para desfazer a venda. Ela exigiu que fossem até lá, caso contrário chamaria a polícia. O sargento Jesus Carvalho e o cabo Pedrosa solicitaram apoio de uma guarnição da Força Tática, comandada pelo sargento Eduardo Pereira, que foi até o local.
Além de Eduardo Cardoso foi à casa da mulher Bryan e “Fabão”. Eles não aceitaram a devolução e asseguraram que não devolveriam o dinheiro e que tinham trazido um moto Pop de cor preta para ela. A moto estava em cima de uma Picape Chevrolet S10. A mulher se recusou, oportunidade em que os policiais militares realizaram a abordagem que encerrou na prisão dos três indivíduos.
A S10 tem a placa de um moto e o carro foi roubado em Goiânia (GO). A POP também era alienada e uma outra moto Honda/NXR 150 Bros, de cor preta, também tinha restrição de roubo. Os policiais tomaram conhecimento de que “Fabão” estava tentando vender a S10 na zona rural de Buriti dos Lopes.
O caso foi levado para a Central de Flagrantes em Parnaíba. Segundo os policiais, o chefe da quadrilha é “Fabão”, mas quando estavam reclusos na delegacia Eduardo Cardoso assumiu a responsabilidade e afirmou que tinha comprado a S10 por R$ 30 mil e que trabalha há dois meses em supermercado em Parnaíba. Os policiais suspeitam da ação por “Fabão” ter um mandado de prisão em aberto.
Por Daniel Santos
Portalcostanorte