sábado, 9 de julho de 2016

Pistola da 2ª Guerra Mundial é apreendida em Parnaíba

            De fabricação, pistola só teve 2000 exemplares produzidos
Uma arma utilizada na Segunda Guerra Mundial foi apreendida pela Polícia Militar na cidade de Parnaíba, norte do Piauí. A pistola de fabricação belga, M-900 Colt, só teve 2000 exemplares fabricados e é datada do ano de 1946. De acordo com o perito criminal, Péricles Avelino, um exemplar do mesmo modelo foi utilizado para assassinar um príncipe da Prússia, Estado que deu origem a países como a Alemanha, Polônia e Áustria. 
"Essa arma ficou conhecido por uma ato fatídico em que o príncipe da Prússia, em Sarajevo, uma pessoa disparou contra ele usando uma arma deste mesmo modelo”, destacou o perito. 
O perito precisou entrar em contato com a fábrica da arma, nos Estados Unidos, para conseguir maiores informações sobre o modelo. 
“Como é uma arma que não é mais fabricada, a gente teve que fazer uma extensa pesquisa na internet e na literatura. Resolvemos entrar em contato com a fábrica, em Conecticut, EUA, e lá nos informaram que trata-se de uma colt M-900, datada de 1946”, afirmou o perito, que ainda destacou que o armamento ainda funciona. 
A arma foi apreendida no dia 26 de junho com um homem identificado como Luciano Mendes da Silva, que chegou a ser preso, mas, foi liberado após o pagamento de fiança. Assista o vídeo:
A Polícia Civil irá pedir ao juiz da ação que autorize a doação da arma para um museu. 
Fonte: Meio Norte