sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Cobra morre após comer porco-espinho

              Os espinhos do animal estavam alojados no trato digestivo
Jean-Claude Chane pedalava de bicicleta pela reserva Lake Eland, na África do Sul, em 16 de junho de 2015 quando se deparou com uma cena que ficou gravada em sua cabeça: uma cobra píton de quase 4 metros com o corpo inchado com o que quer que seja que ela havia acabado de comer.
"Ver uma cobra daquele tamanho tão de perto, comendo o que quer que fosse, foi surreal. Eu nunca tinha visto algo desse tipo", ele contou.
Mas aquela refeição acabou sendo a última da cobra. Após ter sido encontrada morta em 21 de junho do mesmo ano, uma autópsia revelou que a cobra havia tentado comer um porco-espinho de 13,6 kg. Os espinhos do animal estavam alojados no trato digestivo do réptil.
A píton africana é maior espécie de cobra da África, e pode chegar a até seis metros, além de ser muito agressivas, inclusive com casos de mortes de pessoas. Em 2013, uma cobra da espécie estrangulou dois garotos que dormiam em suas casas no Canadá.
Fonte: UOL