quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Homem tenta se matar pulando da ponte Simplício Dias e é salvo pela PM, em Parnaíba

Estar disponível e ter sensibilidade em ajudar, podem fazer grande diferença na vida da pessoa. Dentro de suas atividades do ostensivo e preventivo, a Polícia Militar atendeu uma ocorrência de tentativa de suicídio por volta das 17h de terça-feira (27/09) na ponte Simplício Dias, em Parnaíba. Um homem pretendia desistir de si, diante das adversidades da vida.
Os policiais militares foram até o local e, através de um diálogo necessário, conseguiram convencer o homem, de 40 anos de idade, a superar as ideações suicidas. A Força Tática, o Módulo II, o Pelotão de Policiamento de Trânsito (PPTAN) foram as guarnições que estiveram no ocorrido.
Após uma negociação, o homem desistiu do suicídio, foi imobilizado e levado para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), onde foi medicado. Portanto, a Polícia Militar teve um resultado exitoso. A realidade do homem citado, é igual a tantos casos, em que o indivíduo precisava apenas ser ouvido, compreendido e orientado e foi o que os militares fizeram. As mulheres têm mais facilidade em externar suas dificuldades, diferente dos homens por conta da pressão social ou do orgulho.
As pessoas com ideações suicidas apresentam sinais e dão dicas, cabe aos demais considerarem a condolência do outro. Um caso já sem remediação foi o de um senhor de 42 anos, que foi encontrado morto na segunda-feira (26/09), no povoado Labino, zona rural de Ilha Grande do Piauí. O fato é que este homem não teve oportunidade de um diálogo ou de ser ouvido.

É importante que as pessoas procurem ajuda imediatamente caso um amigo esteja pensando em suicídio, liste os sintomas, converse sobre a depressão da pessoa, seja firme, não confronte, saiba que você não pode curar a depressão, discuta os próximos passos para assistência, ajude as pessoas a conseguir ajuda, mantenha contato com as pessoas que estão sendo ajudadas, entre outras iniciativas.
Por Daniel Santos
Costa Norte