segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Cocalense é vítima de latrocínio na zona rural de Viçosa do Ceará-CE

Quatro bandidos roubaram pouco mais de R$ 600,00 (seiscentos reais) e mataram com três tiros de arma de fogo de calibre ainda desconhecido, o verdureiro Daniel Cardoso da Silva, de 39 anos, que por muitos anos morou no Bairro São Francisco em Cocal. O crime aconteceu precisamente às 03h30min da madrugada do último sábado (05/11), na localidade Sítio Riacho do Piauí, zona rural de Viçosa do Ceará, distância de aproximadamente 40 quilômetros da sede do município cearense. 
De acordo com informações de um familiar, o homem tinha acabado de sair de casa e adentrava em seu caminhão para seguir viagem quando foi surpreendido pelos criminosos que lhe alvejaram com dois tiros nas costas e lhe subtraíram um saco contendo R$ 400,00 (quatrocentos reais) em notas de R$ 2,00 (dois reais) e pouco mais de R$ 200,00 (duzentos reais) em moedas. Os bandidos andavam em duas motos e antes de fugirem um deles ainda efetuou mais um tiro na cabeça da vitima. 
Ainda conforme um irmão da vitima, Daniel tinha a rotina de todos os sábados de madrugada sair de casa com destino a Ceasa (Centrais de Abastecimento do Ceará) em Tianguá-CE, onde abastecia seu caminhão de mercadorias (frutas, verduras e hortaliças) para revender no Estado do Maranhão. 
A família acredita que os autores do crime sejam pessoas conhecidas da vitima e que sabiam de todos os passos de seu cotidiano. "Ele não tinha inimigos, era uma pessoa tranquila que não possuía vícios e só vivia para a família e pro trabalho", comentou um dos irmãos de Daniel.
A Policia Civil de Viçosa do Ceará investiga os autores do latrocínio (roubo seguido de morte). O corpo foi enterrado nesse domingo (06), no cemitério São João Batista, perímetro urbano de Viçosa do Ceará. Daniel deixa uma esposa e dois filhos, um garoto de 6 anos e uma menina de apenas um ano de idade.
Fonte: Blog do Coveiro