quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Túmulo do 'Batman' chama atenção em cemitério

Apesar de não existir relações com o super-herói dos quadrinhos, filmes e desenhos, parte da família Batman está enterrada em São Manuel, no interior de São Paulo, bem distante de Gotham City, cidade fictícia onde ocorrem as sagas do morcego. O orgulho do sobrenome é tão grande, que a família até estuda a possibilidade de instalar uma estátua do personagem no túmulo, que chama atenção no cemitério.
“O sobrenome Batman é incomum e, para nós, é um orgulho porque também representa o personagem. Então a gente tem a ideia de colocar a estátua do Batman no túmulo, que é de mármore, e pintar. A proprietária do cemitério até deu ‘carta branca’, mas agora temos de convencer minha mãe e minha tia. O resto da família topou”, diz Miguel Ângelo Nitolo Neto, de 37 anos, que é neto de Julia Bassil Batman, responsável por trazer a família da Síria ao Brasil.

De acordo com Neto, o sobrenome é proveniente de Alepo, na Síria, e a família migrou com o objetivo de fugir da Guerra Civil no país. Quando chegou ao Brasil, parte do grupo se instalou em São Paulo e parte ficou em São Manuel. “Hoje, quando comentamos sobre o sobrenome as pessoas acham que é gozação, mas a família inteira é apaixonada pelo sobrenome e pelo super-herói”, diz Neto. “As pessoas não levam a sério. Muitas vezes já ligaram para a minha avó para perguntar se era da casa do Batman, mas ela adorava a brincadeira.”
No entanto, para a produção do filme "Batman" que foi lançado em 1989, o sobrenome não era motivo de piada. Os familiares de Julia Bassil Batman foram convidados a participar da première com uma exibição exclusiva do filme na capital paulista. "Na época eu tinha uns 8 ou 9 anos, então não fui porque eu era muito novo, mas o meu primeiro brinquedo de super-herói foi um 'bat-móvel' de uns 30 centímetros com um boneco", lembra Neto.
"Desde pequenos nós convivemos com o 'Batman' no sobrenome e nós construímos uma estrutura familiar com base nos valores do personagem, mas agora o nosso desejo é tornar o túmulo uma atração e onde minha avó de onde ela estiver, vai estar contente", finaliza.
Fonte: G1