.Publicidade

.Publicidade

sábado, janeiro 14, 2017

Secretário Mauro Eduardo e deputado Hélio se encantam com felicidades de beneficiados do Piauí Praia Acessível; VEJA O VÍDEO

Os gestos de alegria tomavam de conta dos beneficiados do Projeto Piauí Praia Acessível, do Governo do Estado do Piauí, por meio da Secretaria de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid), em parceria com a Secretaria de Estado do Turismo (Setur) e a Faculdade Maurício de Nassau.
Na Praia de Atalaia, em Luís Correia, o secretário da Seid, Mauro Eduardo, falou da ação de lazer inclusivo para as pessoas com deficiência. “É um momento de muita alegria para as pessoas portadoras de deficiência e limitação de locomoção. Antes não tinham como aproveitar o litoral, mas agora elas estão indo ao mar, sentindo o contato direto com a praia. Estaremos recebendo a deputada federal cadeirante Rosinha de Adefal, de Alagoas, para conhecer esse belíssimo projeto de inclusão social. Ela vai levar essa iniciativa para seu estado”, disse.
O deputado estadual Hélio também garantiu apoiar o projeto, e parabenizou o secretário Mauro Eduardo pela ação. “Fiquei emocionado ao ver essas pessoas indo ao mar. Uma sensação de satisfação indescritível para elas. Apoiarei essa iniciativa e me somarei aos esforços do Governo do Estado em garantir qualidade de vida aos que dependem da nossa ajuda”, destacou.
O projeto oferece condições para que as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida possam usufruir da praia e do banho de mar assistido com segurança, dignidade e autonomia. Para o banho de mar assistido por monitores é usada uma rampa de acesso ao mar e cadeiras anfíbias (que permitem locomoção em terra e água). Além dos monitores, guarda-vidas do Corpo de Bombeiros acompanham as atividades.
Os serviços do Piauí Praia Acessível são oferecidos nos períodos de alta temporada, eventualmente em feriados prolongados e por agendamento em qualquer período para grupos de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Segundo dados do Censo 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), o Piauí possui quase 860 mil pessoas com algum tipo de deficiência.
VEJA A ENTREVISTA:

Edição: Folha de Parnaíba