Publicidade

Publicidade

sexta-feira, 28 de abril de 2017

PI: CUT obriga lojas fecharem as portas durante a 'greve geral'

As lojas do Centro de Teresina foram obrigadas a fechar as portas durante atos da 'greve geral' nesta sexta-feira (28/04). Pessoas com bonés e camisa da CUT (Central Única dos Trabalhadores) passavam de loja em loja obrigando os funcionários a baixarem os portões.
"Eles já chegaram foi ameaçando, gritando, achei um absurdo, parece uma milícia", disse a funcionária de uma loja de calçados que esperava na porta o desenrolar do ato. Na praça Rio Branco onde o ato foi iniciado, em um trio elétrico era anunciado que todas as lojas teriam que fechar e que o sindicato não ia se responsabilizar pelas lojas que permanecessem abertas.
"Assim como grevar é um direito, não grevar também é, não podemos aceitar essa atitude autoritária. Nosso país já está em crise, se ficarmos com nossas lojas fechadas não teremos faturamento e vamos ser obrigados a demitir mais gente", reclamou o gerente de uma loja de tecnologia.
Mesmo após os manifestantes saírem em passeata pelas ruas do Centro, 'fiscais' da CUT continuaram próximo as lojas para não deixarem elas abrirem. Algumas, com seguranças as portas e metade dos portões fechados, abriram do mesmo jeito.
Fonte: 180 Graus