segunda-feira, agosto 14, 2017

Caminhoneiro é condenado por ter matado deficiente físico atropelado em Parnaíba

                     José de Juarez foi condenado. Foto: Daniel Santos
O caminhoneiro José Juarez Castro Filho, 60 anos, passou seu caminhão por cima do deficiente físico Rogério Cardoso da Silva, 46 anos, fato ocorrido na noite de domingo (05/02), em Parnaíba. Ele foi condenado a sete anos e seis meses de prisão pela juíza Maria do Perpétuo Socorro Ivani de Vasconcelos, da 1ª Vara Criminal de Parnaíba, por homicídio e resistência à prisão. (Reveja matéria)
Com o caminhão, Juarez esmagou o banquinho em que sei vizinho e deficiente físico Rogério Silva estava sentado, arrancou uma árvore e destruiu calçadas. O autor do crime fugiu rapidamente furou duas barreiras policiais e percorreu em torno de 33 quilômetros em fuga com quatro pneus furados, até que restaram somente ascalhas. ao ficar impossibilitado de fugir, acabou preso.
Fonte: Portal Costa Norte