.Publicidade

.Publicidade

sábado, dezembro 02, 2017

Dado como morto, homem apresenta sinais vitais em velório no Piauí

                   Corpo foi levado ao hospital, onde o óbito foi confirmado
O eletricista Adoniran Araújo, de 30 anos, faleceu na noite da última quinta-feira (30), na cidade de Campo Maior, após sofrer complicações de um problema renal grave, associado à anemia e a um quadro de pneumonia. Adoniran chegou a procurar atendimento médico no dia em que morreu, mas, teria ignorado a indicação médica, que previa a internação urgente. Durante a noite, o eletricista sofreu duas paradas cardíacas e não resistiu. 
(Foto do suposto finado)
Já na sexta-feira (01), durante a pregação do corpo para o velório, os familiares de Adoniran perceberam que o corpo do homem apresentava sinais de que ele estaria vivo, como pulsação, pressão arterial e calor corporal. Os familiares passaram a suspeitar de um quadro de Catalepsia, distúrbio que impede o doente de se movimentar, apesar de continuarem funcionando os sentidos e as funções vitais em menor frequência. 
O corpo, então, foi encaminhado para o Hospital Regional de Campo Maior, onde passou por exames que constataram o óbito. Em 30 dias, devem sair os resultados do exames que irão indicar a hora exata em que o eletricista morreu. Adoniran Araújo foi sepultado ainda na noite da última sexta.
Fonte:Campo Maior em Foco