sexta-feira, dezembro 15, 2017

Polícia Civil prende trio com problemas na justiça em Parnaíba.

A Polícia Civil do Estado do Piauí, através da Delegacia de Homicídios/Latrocínio/Tráfico de Drogas de Parnaíba - DHTL e Núcleo de Inteligência da Planície Litorânea, deu cumprimento a mandado de prisão expedido em desfavor de Rauellisson de Souza Araújo, no início da tarde de hoje, 14/12/2017.
Contra o preso pesa a acusação de tentativa de latrocínio cometido contra um empresário de Parnaíba, delito este ocorrido no dia 29 de novembro de 2017, nas imediações do centro da cidade litorânea. Na ocasião Rauellisson deu vários disparos de arma de fogo na vítima com o fim de lhe subtrair dinheiro e bens pessoais, porém esta reagiu a investida criminosa atingindo também o agressor com dois disparos de arma de fogo.
Rauellisson foi encaminhado ao Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, onde foi submetido a procedimento cirúrgico e drenado, porém se evadiu do estabelecimento médico na tentativa de se furtar a responsabilidade criminal pelo delito.
No início da tarde de hoje, investigadores da Polícia Civil receberam uma denuncia anônima dando conta que o indivíduo preso iria a uma clínica da cidade para realizar a retirada dos drenos, ocasião em que se dirigiram ao local para apurar a informação, realizando a prisão de Rauellisson nas proximidades da clínica.
Juntamente com Rauellisson foram presos os nacionais Bruno de Sousa de Araújo e Wictor de Araújo Dias, respectivamente pelos delitos de falsa identidade e favorecimento pessoal, sendo ambos egressos do sistema prisional.
Os acusados foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Parnaíba, onde foram realizados os procedimentos de praxe e permanecerão a disposição da justiça local.
A Polícia Civil aproveita o ensejo para solicitar novamente a ajuda da população na realização de denúncias anônimas de crimes, medida esta que tem surtido bastante efeito e traz benefícios a sociedade. Para denunciar basta clicar no link acima e preencher os campos.
Ascom/PC