segunda-feira, dezembro 11, 2017

Policial civil do PI morre afogado em piscina durante confraternização

Um policial civil identificado como Aydon Aristóteles, de 35 anos, morreu na tarde deste domingo (10/12) durante uma confraternização em um sítio na Zona Sul de Teresina. O corpo dele foi achado no fundo de um piscina por amigos e a suspeita é que morreu por afogamento.
Testemunhas relatam que quando perceberam o corpo do policial no fundo da piscina, o tiraram do local e tentaram reanimado, momento que uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi chamada ao local, mas constatou a morte dele.
A perícia foi realizada e o corpo encaminhado para o Instituto Médico Legal, onde exames devem indicar a causa da morte. Aydon pode ter sofrido uma congestão e se afogado na piscina, ocasionando o óbito.
O policial deixa esposa e uma filha pequena. Ele era natural de Teresina, mas já foi PM e trabalhou no 7º Batalhão da Polícia Militar na cidade de Corrente. Ele também era tatuador e vários amigos e familiares lamentaram a sua morte nas redes sociais.
"Menino do sorriso largo, autêntico, brincalhão, e pura simpatia, assim era você, sem acreditar, descanse em paz", postou uma amiga
Edição: 180Graus