Publicidade

Publicidade

segunda-feira, março 26, 2018

Morte de piauiense na casa de primo em São Paulo ainda é um mistério

De acordo com informações que circulam nas redes sociais, a jovem que era recém-formada teria ido a capital paulistana participar do festival de música Lollapalooza.
Uma bacharel em direito, natural de Parnaíba, identificada como Pauline Melo, foi encontrada morta na última quinta-feira (22), na residência de um familiar na cidade de São Paulo. A jovem teria ido a capital paulistana participar do festival de música Lollapalooza, que iniciou nessa sextafeira (23), além de fazer compras para a loja virtual que estava montando, motivo pelo qual ela levava consigo uma grande quantia em dinheiro, que teria supostamente desaparecido após sua morte.
O GP1 conversou nesse sábado (24), com uma amiga da vítima que preferiu não ser identificada, que revelou que muitas especulações estão sendo feitas a respeito da morte de Pauline e há muita incertezas sobre a morte. "Na verdade, existem muitas especulações até o momento, a única certeza que temos hoje é da morte dela, o pai dela chegou em São Paulo sexta-feira cedo para que fosse dado início a todos os trâmites legais para a liberação do corpo e investigação policial", relatou a amiga.
Nas redes sociais, parentes e amigos lamentam a morte da bacharel. "Início o texto com a frase: Os bons morrem cedo. Peço encarecidamente que não diagnostiquem ou especulem nada a respeito de quem esteve em Terra fazendo as pessoas ao seu redor sorrirem, vocês não sabem o quanto dói na gente ler atrocidades ou diagnósticos sobre a vida dela, ao invés disso rezem! Minha "thêmonia" me deixou com o coração em cacos, não consigo acreditar que aquele abraço no dia da sua viagem seria o último, pedi tanto para que se cuidasse e que aproveitasse esse sonho, você estava tão feliz, tão bem, sim, ela estava, ela tinha planos para a semana toda, inclusive para quando estivesse de volta a cidade.
Nossos rolês não serão mais os mesmos, minhas idas a Teresina nunca terão o mesmo significado, você foi um ser humano incrível para todos que te rodeavam, prova disso é toda essa comoção, não queremos acreditar ! Nossas conversas no wpp estarão arquivadas para sempre no coração e nossas fotos expostas na lembrança mais fiel que guardarei. Como ela estava bem, esteve em todos os dias na minha formatura, dançou comigo, participou dos detalhes do meu baile, frequentava minha casa, saímos juntas, viajámos juntas... lembrarei do dia 22 de março como um dos piores vividos, é uma dor inexplicável. Aparece ou manda notícias que tudo está bem e que não passa de uma brincadeira, por favor. Te amo Pauline Melo, estará para sempre em nossos corações", escreveu uma amiga de Pauline.
O corpo de Pauline Melo chegou a Parnaíba na noite de sábado e foi sepultada na manhã deste domingo.
Por Débora Dayllin/GP1