sábado, abril 14, 2018

PI: PM acusado de assassinar garçom em THE é posto em liberdade 48h após se entregar

Crime aconteceu no bairro Renascença, zona Sudeste de Teresina, em outubro de 2017 e o policial militar se entregou ao Departamento de Homicídios esta semana. Ivaldo Vieira foi preso na última terça-feira (10/04) acusado de assassinar o ex-presidiário e garçom, Cosme Damião, em outubro de 2017 no bairro Renascença, zona Sudeste de Teresina. 48h após se entregar no Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoas o acusado, que é policial militar, foi posto em liberdade.
Segundo o juiz responsável pelo caso, Luiz Moura, a prisão temporária foi revogada porque o PM é um servidor público, nunca respondeu a qualquer crime penal e se comprometeu a comparecer sempre que convocado a prestar quaisquer esclarecimentos, disse o juiz em entrevista concedida à TV Cidade Verde.
O CRIME
Ivado Vieira é acusado de assassinar a tiros o ex-presidiário e garçom Cosme Damião, de 21 anos, em 10 de outubro de 2017. O policial teria furtado uma motocicleta do quartel para realizar o crime. Segundo informações divulgadas à época, Ivado chegou na porta da casa da vítima e efetuou disparos contra o garçom.
Foram atingidos Cosme e a mãe, Luciana, que teve parte do intestino perdido. Já o garçom morreu no momento. Ainda não se tem informações sobre o que poderia ter provocado o crime.
Para a mãe da vítima, a liberdade do PM é revoltando. “Foi um trabalho muito bem feito do delegado Bareta em concluir o inquérito. Ai um juiz que não teve nem tempo de ler o inquérito vai e solta. Por que soltar?”, questionou a mulher.
Fonte: oitomeia