terça-feira, julho 31, 2018

SC: Pai de menino doente tem prisão decretada por gastar dinheiro arrecadado para tratamento; VÍDEO

O jovem Renato Openkoski teve a prisão solicitada pela Polícia Civil de Joinville, Norte de Santa Catarina, após suspeitas de que ele e a esposa, Aline Openkoski, estariam desviando o dinheiro arrecadado para o tratamento do filho, que possui uma doença rara. VEJA O VÍDEO:
Segundo matéria da Veja, o casal criou uma campanha na internet para ajudar o filho Jonatas, de 2 anos, que sofre de AME (Atrofia Muscular Espinhal), uma doença degenerativa. A causa recebeu milhares de doações anônimas e até de famosos como Victor e Léo, Zezé di Camargo e Luciano, Ana Hickman, Eliana e Luan Santana, entre outros.
Após arrecadar cerca de R$ 4 milhões, Renato e Aline começaram a ostentar um padrão de vida cada vez mais luxuoso nas redes sociais. Denúncias apontaram que eles estavam usando o lucro em benefício próprio, e não da criança, sem prestar contas.
Durante investigação da polícia na casa dos suspeitos, foram apreendidos um carro, televisão, óculos, perfumes, camisas de time de futebol, roupas e brinquedos que teriam sido custeados com o dinheiro da campanha.
O casal teve as contas bloqueadas pela Justiça e a liberação só é permitida sob exigência de prestação de contas. Eles foram indiciados por estelionato e apropriação indébita e podem podem pegar até 9 anos de prisão.
Fonte: 180Graus