sexta-feira, setembro 28, 2018

Operação Midas apreende 300 celulares e prende 50 pessoas no Piauí

A Delegacia Geral informou ao Cidadeverde.com nesta quinta-feira (27) que foram presos 50 pessoas e apreendidas mais de 300 celulares na operação Midas no Piauí.
A ação - que durou dois dias - é monitorado pelo Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), em Brasília. Nesta sexta-feira, a Polícia iniciará o processo de devolução dos aparelhos celulares roubados aos donos.
Segundo o delegado geral Riedel Batista as prisões na operação Midas ocorreram em Teresina, Picos, Parnaíba, Bom Jesus e Alegrete. Os mandados foram para cumprir prisões e de busca e apreensão contra suspeitos de crimes de latrocínio (roubo seguido de morte) e roubo em todo o país.
Em todo o País, 2.494 pessoas foram presas e 164 adolescentes foram apreendidos, totalizando 2.743 pessoas presas/apreendidas.
Riedel Batista informou que amanhã às 11h fará uma apresentação do material apreendido.
Devolução de celulares
Mais de 300 celulares foram apreendidos. Todos fruto de assaltos. Foram encontrados também um drone e tabletes. Riedel informou que o proprietário do drone já foi localizado e será devolvido nesta sexta-feira.
Os proprietários dos aparelhos deve procurar a sede da Delegacia Geral - no centro de Teresina - levando boletim de ocorrência, nota fiscal ou a caixa do aparelho.
"Este ano já devolvemos mais de mil celulares roubados para os proprietários. Amanhã daremos todas as orientações para as vítimas", disse Riedel Batista. 
Fonte: Cidade Verde