segunda-feira, outubro 15, 2018

Garoto de 12 anos morre vítima de disparo acidental de espingarda em Cocal

O estudante Rodrigo Lopes da Silva, de apenas 12 anos de idade, faleceu de forma prematura ao ser vitima de um disparo acidental de uma espingarda do tipo “bate-bucha” que ele manuseava.
A tragédia aconteceu na manhã do último sábado (13), em uma mata da região onde ele residia, situada na localidade Sitio dos Pereira, zona rural de Cocal, distância de 28 quilômetros do perímetro urbano da cidade.
Amigos da família relataram que a vitima saiu de casa na companhia de um tio para caçar. Durante a caçada, de forma ainda a ser esclarecida, o garoto derrubou a arma e a mesma disparou atingindo-lhe a região do tórax.
O garoto foi socorrido pelo tio, que com o apoio de populares, o encaminhou para o hospital municipal da cidade de Viçosa do Ceará, onde a vitima deu entrada já sem vida. Na sequência, o corpo foi removido para ser periciado no Instituto Médico Legal (IML) do município de Sobral-CE.
Rodrigo Lopes da Silva era muito querido pelos colegas e professores do Grupo Escolar Antônio Samuel da Silva, em Campestre, onde ele estudava o 7° ano. Sob forte comoção, muitos amigos e familiares compareceram ao velório e prestaram as últimas homenagens.
* Blog do Coveiro