sexta-feira, novembro 02, 2018

Tio de 51 anos é preso suspeito de estuprar e engravidar sobrinha adolescente no Piauí

                     Foto do suspeito divulgada pela Polícia Civil do Piauí 
Um tio foi preso suspeito de estuprar a sobrinha, que na época tinha 13 anos. Ela engravidou e o bebê nasceu em agosto de 2018, quando revelou a paternidade e a família denunciou o caso. As informações foram reveladas pelo degelado civil, Gilberto Silva, nesta quinta-feira (01). 
De acordo com o delegado, o suspeito foi identificado como José Augusto, e a violência sexual ocorreram na casa do suspeito, em Teresina, e em Nazária, na residência da avó da criança. Um exame de paternidade será pedido pela investigação. 
"A menor ficou grávida, escondeu a gravidez e teve o filho dentro do banheiro da sua casa, sendo que, após ter o filho, informou que o pai seria seu tio José Augusto, de 51 anos de idade, sendo que este havia lhe estuprado um ano atrás, quando a menor tinha 13 anos de idade", comentou o delegado.
O delegado relatou que, em depoimento, o suspeito assumiu "que manteve relações sexuais coma sobrinha, mas que foram consensuais". 
Já a adolescente declarou em depoimento à polícia que o estupro ocorria desde julho de 2017. "A menor informa que não falou nada por medo, o caso só veio à tona quando ela pariu a criança em casa. Assim, os pais denunciaram", acrescentou o delegado. 
Gilberto Silva afirmou que o bebê nasceu com boa saúde e família não suspeitou da gravidez devido a estatura física da adolescente. 
A Polícia Civil representou pela prisão preventiva do suspeito. O mandado foi cumprimento hoje em Nazária pelo delegado Gilberto, e os agentes Sobrinho e Francisco Mesquita, com apoio logístico da gerência de polícia metropolitana, sob coordenação do delegado Lucy Keiko. José Augusto será transferido hoje para Teresina.
Fonte: Cidade Verde