quinta-feira, novembro 29, 2018

Trabalhadores em situação análoga à escravidão são resgatados no Norte do Piauí

Seis trabalhadores rurais em situação análoga à escravidão foram resgatados de uma propriedade no município de Batalha, Norte do Piauí, nessa sexta-feira (23). De acordo com o auditor fiscal Robson Waldeck, eles trabalhavam na extração de pó de palha de carnaúba em condições degradantes.
“Estavam sem carteira assinada, sem exame admissional e sem equipamentos de proteção individual. Dormiam em redes armadas ao relento, faziam as necessidades fisiológicas no mato, preparavam as refeições em fogareiros improvisados”, contou Robson Waldeck.
O auditor fiscal relatou ainda que a água utilizada pelos trabalhadores para consumo próprio era armazenada em recipientes vazios de produtos químicos, nos quais constava a advertência de não reutilização.
“A atividade foi devidamente interditada, o empregador foi autuado e, após notificado, procedeu ao registro dos empregados e ao pagamento das verbas rescisórias devidas. Foram emitidos os requerimentos de seguro desemprego para os trabalhadores", informou Robson Waldeck.
Os auditores vão elaborar um relatório circunstanciado, que deverá ser enviado ao Ministério Público do Trabalho e ao Ministério Público Federal, para que adotem as medidas judiciais cabíveis.
Fonte: G1/PI