sexta-feira, dezembro 14, 2018

Megaoperação “Rodovida” é deflagrada no Piauí nesta sexta-feira

A Polícia Rodoviária Federal no Piauí (PRF-PI), em conjunto com a Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Estado, Polícia Militar, Polícia Civil, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Sest Senat deflagrou nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (14) a megaoperação “Rodovida”. A ação vai se estender até em fevereiro, depois do carnaval. 
A “Rodovida” engloba diversas outras operações que acontecem no período que compreende os meses de dezembro a fevereiro que são: a operação duas rodas, operação natal, operação ano novo, operação férias escolares e carnaval.Em entrevista ao GP1, o inspetor Barros Filho, do núcleo de comunicação da PRF-PI, explicou os objetivos das ações que serão desenvolvidas. 
“A ONU, nessa década de 2011 a 2020, estabeleceu uma meta de redução de acidentes em 50% deve seguir o tratado da ONU. Por isso, a gente está fazendo essas operações integradas com a Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública, Polícia Militar e Sest Senat. Ou seja, o objetivo é atingir a meta estabelecida pelo Ministério da Justiça”, informou. Esta é a terceira edição da operação que, além de ter como meta reduzir o número de acidentes, também visa combater a criminalidade. O capitão Lourival, do 17º BPM e integrante da Força Tarefa da Secretaria de segurança Pública do Estado, destacou o trabalho que será desempenhado pela PM. “O nosso papel é fazer a abordagem e a averiguação dos ocupantes dos veículos, bem como a varredura para ver se encontramos armas e drogas”, afirmou. Até o momento, somente armas brancas foram encontradas durante as abordagens. “Nós realizamos duas blitzs que ocorreram nas avenidas Missi Leitão e Noé Mendes. Nesta última, foi abordado um Renault Clio, de cor preta, onde foram encontrados uma faca e um cassetete. No veículo, havia duas pessoas. Eles ainda tentaram fugir da fiscalização, mas nós os interceptamos. Eles alegaram que trabalhavam na parte de ornamentação natalina pela Prefeitura de Teresina e que os materiais seriam usados para as montagens”, mencionou o capitão. A fiscalização ocorreu na BR 343, nas proximidades da Ladeira do Uruguai. Os dados das primeiras ações serão divulgados posteriormente.
Fonte: GP1