sexta-feira, março 08, 2019

Piauí - Veja quem são os presos acusados de sequestrar gerente do Itaú

A Secretaria Estadual de Segurança, através do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) e da Divisão de Operações Especiais da Polícia Civil (DOE), penderam seis pessoas acusadas de participarem do sequestro do gerente do banco Itaú em Teresina, no dia 17 de janeiro deste ano.
Após quase dois meses de investigação, os policiais cumpriram mandados de prisão, além de busca e apreensão. Vários materiais que teriam sido usados no crime foram colhidos. 
Duas prisões ocorreram na madrugada desta sexta-feira (08/03) em Picos onde foi abordado um ônibus de Paraíba. No local foram detidos Anderson Alves de Silva, conhecido como "Madruga" e João Bosco Santos Silva, conhecido como "Pará" ou "João de Deus".
Foram cumpridos ainda mandados de prisão contra Abimael Pereira da Silva, conhecido como "Vei" (chefe da organização que já havia sido preso na operação cargas) e Daniel Brito de Oliveira preso em decorrência de 'Sapatinho' ocorrido em 2018 em Pedro II.
Benício Rodrigues da Silva e José Francisco Sousa Costa Júnior foram presos em fevereiro em Luis Eduardo Magalhães - BA em ocorrência no sequestro do gerente em Teresina. 
Ressalta-se que a casa de Benício foi usada como cativeiro da família do gerente. Junior, Daniel e Pará renderam o gerente em sua casa e Abimael, além de planejar toda a ação, juntamente com Pará prestaram apoio à ação criminosa que ocorreu no Parque Piauí.
Madruga e Pará foram presos quando viam da Paraíba onde praticaram furtos a estabelecimentos com cofres e que os mesmos faziam uso de uma máquina para fazer o corte das chapas de aço que foi apreendida, assim como duas armas.
Todos os presos serão indiciados por extorsão mediante sequestro e organização criminosa no âmbito de inquérito policial presidida pelo Delegado Daniel Pires.
Com informações 180 Graus