Um dos estupradores de Castelo nunca pagou e nem deixou a vida do crime

A impunidade gerada pela não redução da maioridade penal é latente e visível. Um dos exemplos é Bento Fernandes. Hoje com 19 anos o jovem foi preso acusado de praticar vários assaltos, e o que mais chama atenção: Bento foi um dos autores do estupro coletivo contra quatro garotas em Castelo do Piauí, no ano de 2015. Na época, como era menor de idade, foi submetido apenas a uma medida socioeducativa e, ao que parece não lhe socializou e muito menos educou. No fim das contas, a única condenada foi a jovem Danielly Rodrigues, umas das vítimas dessa barbárie, que morreu por um crime cometido por menores a mando de um maior. Retrato da impunidade e prova de que a questão da maioridade penal, deve ser repensada!
Portal Encarando

Google Plus

Folha de Parnaíba

Repórter e comunicador, funcionário público concursado, idealizador do Portal Folha de Parnaíba. Pessoa humilde e trabalhador, autêntico, verdadeiro e temente a Deus. Email: folhadeparnaiba@hotmail.com