quinta-feira, novembro 21, 2019

Jornalista que anunciou a morte de Gugu Liberato pede desculpas à Record e à família do apresentador

                                     foto reprodução instagram
O jornalista Reinaldo Azevedo, da BandNews, anunciou, no início de seu programa na Rádio BandNews desta quinta-feira, 21, a morte do apresentador Gugu Liberato. No final do programa, que tem duração de uma hora, Reinaldo Azevedo afirmou que sua intenção não foi dar um furo. Ele pediu desculpas à Rede Record e à família de Gugu.
Confira as palavras do jornalista no início do programa:
"Quero abrir o programa com um lamento, já (é) pública a notícia, da morte do Gugu Liberato, em um acidente doméstico na casa dele em Orlando. Morreu. Lamento mesmo, a personagem que marcou durante muitos anos a televisão brasileira, um comunicador popular, enfim, que fazia ali as tardes e noites divertidas de muita gente. Um abraço solidário à família. Não conhecia o Gugu, conheço pessoas que o conheciam e sempre falaram coisas muito simpáticas e muito boas a respeito. Minha solidariedade à família".
Confira as palavras do jornalista no final do programa:
"Olha aqui, deixa eu dizer uma coisa importante. Eu iniciei o programa lamentando um fato sobre um assunto que o País vai digerir, está digerindo… Odeio que me confundam. A ideia de que eu tenha qualquer intenção de usar um evento dessa natureza (morte) para dar furo, é preciso não me conhecer profundamente. Eu não lido assim com essas coisas. E à eventual impertinência, me desculpo com a família, com a Record, que é a emissora diretamente envolvida. Não, não venham me atribuir, não faço questão nenhuma. Se vocês quiserem me atribuir o furo de ter dito qual era a natureza de uma coisa que estava sendo votada, de fato, no Supremo (Tribunal Federal), me atribuam esse furo. Não outra coisa qualquer."
Gugu estava em sua casa, localizada em Orlando, nos Estados Unidos, quando se desequilibrou do telhado do imóvel e caiu batendo a cabeça em um móvel. No início da tarde de hoje, a assessoria do apresentador afirmou que ele estava internado em observação por 48 horas e que, em breve, divulgaria o estado de saúde de Gugu em um novo boletim médico.