quarta-feira, novembro 20, 2019

No Piauí, pedreiro é morto a facadas; enteado é o principal suspeito

                                                 Foto: Francisco Bezerra
Um pedreiro identificado como Edvar Gomes da Silva, de 44 anos, foi morto na tarde desta quarta-feira (20) com duas facadas nas costas dentro de casa, na Vila Irmã Dulce, Zona Sul de Teresina. O principal suspeito é o enteado da vítima, identificado como Wesley de Sousa Moura, de 20 anos.
Segundo o delegado Jarbas Lima, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o suspeito fugiu e levou a arma que teria sido utilizada para cometer o crime. “Ele chegou em uma motocicleta com outro indivíduo, desceu do veículo e entrou na residência. No local, estava só o padrasto de Wesley. Fomos informados que, após o ocorrido, o suspeito fugiu levando a faca”, explicou.
De acordo com o delegado, o crime foi motivado por desavenças entre a vítima e o suspeito. “O suspeito é usuário de drogas e já tem ficha criminal. Consta que a desavença era porque Edvar dizia que Wesley trazia infelicidade para a mãe dele e que dava bastante trabalho. Soubemos que recentemente o padrasto deu um soco na cara do enteado”, acrescentou.
A polícia continua em diligência para prender Wesley e elucidar o caso. “Nós iremos tentar prendê-lo em flagrante. Se não, iremos representar pelo mandado, mas o DHPP trata como um caso praticamente solucionado”, disse Jarbas Limas.
Fonte: G1/PI