sexta-feira, janeiro 24, 2020

Em Luis Correia, homem é preso acusado de abusar da enteada de 12 anos

O caso ocorreu em Luiz Correia (PI). O padrasto aproveitava que sua companheira saia para trabalhar para cometer o crime de abuso sexual contra menor indefesa. Adão de Souza, acusado de abusar sexualmente de sua enteada, uma menor de 12 anos
Um indivíduo identificado como Adão de Souza foi preso na madrugada da última terça-feira (21) incriminado de abusar sexualmente da enteada de apenas 12 anos de idades. O caso ocorreu na residência da vítima, no bairro Cearazinho, na cidade de Luiz Correia, no litoral piauiense.
Os abusos teriam iniciado em dezembro do ano passado quando de acordo com a companheira do acusado e mãe da menor, ele passou a frequentar o quarto da filha argumentando que estava apenas conversando. Mãe da menor de 12 anos abusada sexualmente pelo padrasto. A mãe da jovem começou a desconfiar dos abusos quando o suspeito passou a presentear a jovem e em seguida passou a tratar ela de forma diferente. Os abusos ocorriam na residência onde todos os três moravam. Em uma das situações, a garota chegou a ser amarrada com lençóis.
A Polícia Civil tomou conhecimento do caso, quando a jovem saiu de casa pela noite, sem o acusado perceber e se deslocou até a residência de sua irmã mais velha, onde contou sobre o que acontecia. Após isso, o acusado fugiu e estava foragido desde dezembro.
A prisão ocorreu em cumprimento a mandado judicial na terça-feira (21) e o suspeito passou por audiência de custódia nessa quarta-feira (22). De acordo com o delegado João José Pereira, durante a audiência o homem teve a prisão relaxada.
Adão de Souza foi preso e conduzido para a Central de Flagrantes de Parnaíba. Na audiência de Custódia ele foi liberado e irá responder pelo crime em liberdade, mas como medida cautelar alternativa à prisão terá que usar tornozeleira eletrônica de monitoramento até o julgamento.
Jornal da Parnaíba/Piauí em Dia