quarta-feira, fevereiro 12, 2020

População de cidade do PI interditam rodovia em protesto contra governo estadual

Moradores das cidades de Campo Largo do Piauí, Matias Olímpio, Nossa Senhora dos Remédios e Porto realizaram um protesto na madrugada desta terça-feira (11) com o objetivo de reivindicar melhorias para a PI-112, estrada que liga cerca de 12 municípios no Norte do estado. Durante a manifestação, a via segue interditada por tempo indeterminado.
Em entrevista ao G1, o empresário e funcionário público Dacson Pereira informou que a estrada está intrafegável e que o pior trecho é o que liga as cidades de Campo Largo a Porto.
“A PI-112 apresenta muito buraco e isso prejudica a passagem de veículos, que acabam sendo danificados pela falta de estrutura da estrada. Além disso, na rodovia acontecem vários assaltos. A situação está mais crítica em um trecho de 12 quilômetros que liga Campo Largo a Porto”, comentou.
A estrada permanece interditada e não há previsão de quando a manifestação irá terminar. “Nós estamos deixando passar apenas ambulância. A manifestação começou por volta de 2h da madrugada e não há previsão de quando irá terminar”, afirmou.
Procurado pelo G1, o Departamento de Estradas e Rodagem do Piauí (DER-PI) informou que alguns trechos de estradas do estado estão com a sua vida útil no final, mas que o órgão já solicitou a execução da Operação Tapa Buracos, além de lançar um plano de trabalho para a recuperação total de estradas do Piauí que estejam na mesma situação. Leia a nota abaixo:
O Departamento de Estradas de Rodagem do Piauí (D.E.R), é responsável pela manutenção e conservação de toda a malha viária estadual, que corresponde a mais de 6.300 Kms.
No entanto, é preciso explicar para a população que parte de alguns desses trechos já estão com a sua vida útil no final, como é o caso das estradas citadas (Porto, Campo Largo, Pio IX). Para isso, o órgão já licitou a operação Tapa buracos. Paralelo a essa ação, a diretoria-geral do órgão afirma que, em breve, tem plano de trabalho para a recuperação total dessas e outras vias que se encontram na mesma situação.
Fonte: G1/PI