sexta-feira, abril 24, 2020

APIDEP doa cestas básicas e kits de higiene para Projeto Amar de Parnaíba

Por meio da campanha Conexão Solidária Piauí, a Associação Piauiense das Defensoras e Defensores Públicos (APIDEP) realizou a entrega de 120 cestas básicas e 120 kits de material de higiene nesta quinta-feira (23) para o Projeto Amar, que atua na cidade de Parnaíba, Norte do Estado. O projeto social que recebeu as primeiras doações da campanha foi criado para ajudar famílias vulneráveis, comunidades carentes, moradores de rua e instituições que cuidam de pessoas, como casas de acolhimento e abrigos em todo o litoral piauiense.
Lançada no início do mês de abril, a campanha Conexão Solidária Piauí consiste em prestar apoio para a população mais carente do Estado, que se encontra em situação de vulnerabilidade social, agravada pelos efeitos decorrentes da Covid-19. Se enquadrando nesse perfil, a APIDEP escolheu o Projeto Amar que tem sido referência no auxilio e apoio dos mais necessitados na região norte do Piauí.
O presidente do Projeto Amar, Renan Brito, descreve a emoção de ter recebido as doações das cestas básicas da APIDEP nesse momento de pandemia do novo Coronavírus. “O meu sentimento e dos 38 voluntários do projeto, que desde 2016 atuam de forma voluntária para apoiar os mais vulneráveis do litoral piauiense, é de muita gratidão. Estamos muito felizes com a ajuda da APIDEP, que diante desse período de pandemia, nos auxiliará a ajudar diversas famílias e instituições que estão em situação muito delicada”, disse o presidente do grupo.
Renan Brito ainda destaca que o Projeto Amar estava quase sem recursos para ajudar as famílias vulneráveis da região e que as doações destinadas ao grupo chegaram no momento certo. “Não estávamos com material suficiente para ajudar todas as pessoas e famílias, e as doações da APIDEP chegaram em momento oportuno e irão ajudar nesse período delicado de pandemia da COVID-19”, finalizou o voluntário.

A presidente da APIDEP, Dr. Ludmilla Paes Landim, externa que é com imensa satisfação que a Associação Piauiense das Defensoras e Defensores Públicos (APIDEP) inicia a entrega de cestas básicas e itens de limpeza em geral para segmentos e grupos sociais vulneráveis que estão enfrentando de forma mais severa os efeitos econômicos decorrentes da pandemia da Covid-19.
“Iniciada há pouco mais de 10 dias, a Campanha Conexão Solidária Piauí tem se mostrado exitosa e contado com o apoio da sociedade em geral. A primeira etapa das doações foi operacionalizada com a inestimável ajuda de defensores associados lotados no Norte do Estado, dentre os quais destaco Manoel Mesquita e Débora Cunha. Nesta ação, firmamos uma parceria com a Organização Não Governamental (ONG) ‘Projeto Amar’, que vem desempenhando um papel admirável junto aos mais necessitados da região e apresentou-nos o mapeamento da pobreza local, bem como disponibilizou voluntários para realizarem a entrega das nossas doações no próximo dia 25. Um verdadeiro trabalho de equipe que beneficiará cinco comunidades carentes das regiões de Parnaíba, de Luis Correia e Ilha Grande. A diretoria da APIDEP continuará trabalhando incessantemente nesta campanha, enquanto perdurar a pandemia, a fim de que o maior número de pessoas em vulnerabilidade possam ser beneficiadas em nosso Estado”, disse a Dra. Ludmilla Paes Landim.
Comunidades de Parnaíba, Luiz Correia e Ilha Grande são beneficiadas
O Projeto Amar fará a entrega das doações neste sábado, dia 25 de abril, para cinco comunidades carentes da região, onde cada casa receberá uma cesta básica com todos os itens de alimentação e higiene. Entre essas famílias, 14 são do Loteamento Santa Luzia, em Parnaíba; 12 casas da Comunidade Santa Luzia e 26 famílias que moram no aterro sanitário, ambos de Luiz Correia; 18 famílias do Povoado Barro Vermelho e 30 casas do Povoado Vazantinha, que são de Ilha Grande do Piauí. Além de duas instituições de acolhimento de Parnaíba: Acolhimento Infantil e o Abrigo São José, que receberam 10 cestas básicas cada.
Toda a população pode continuar colaborando com a campanha Conexão Solidária e prestar esse auxilio as famílias carentes por meio de transferência bancária na conta do Banco do Brasil (Ag: 4710-4/CC: 7294-0), CNPJ: 07.217.391/0001-40.
Jornal da Parnaíba