sábado, maio 09, 2020

Mais de 200 pessoas estão curadas da covid-19 após tratamento no Piauí

Desde os primeiros três casos confirmados da Covid-19 no Piauí, no dia 19 de março, 200 pacientes infectados com a doença já tiveram alta médica, em todas as regiões do estado. O número representa mais de cinco vezes mais do que os 37 óbitos em decorrência da doença registrados até a manhã desta sexta-feira (8).
Uma das altas mais recentes foi a de um casal do Maranhão que foi tratado no Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano. Uma mulher, de 31 anos, e um homem, de 34, deixaram a unidade de saúde nessa quinta-feira (7). O casal estava internado desde a sexta-feira (1º) para tratar a doença, diagnosticada no dia 22 de abril. Eles vieram buscar atendimento médico no Piauí porque a mulher é piauiense.
Segundo o diretor clínico do hospital, médico Justino Moreira, o homem, primeiro a ser internado, estava com falta de ar importante e recebeu todo o suporte necessário para melhorar o desconforto respiratório. Ele vinha tomando cloroquina há 10 dias, mas sem apresentar melhoras. Ao chegar ao hospital, o paciente já apresentava 40% de comprometimento pulmonar.
“Iniciamos um tratamento à base de corticoides e antibióticos e pudemos acompanhar a melhora de todo o quadro”, afirma o médico. Segundo ele, a esposa, que também foi internada posteriormente, apresentou um quadro mais leve da doença.
Outro paciente que venceu a Covid-19 foi um homem de 46 anos, que deixou o Hospital Getúlio Vargas (HGV) também nessa quinta-feira (7). O vigilante de iniciais J.A.B.L foi transferido do Hospital da Polícia Militar (HPM) para o HGV no dia 27 de abril, passou 10 dias internado, sendo quatro dias em estado grave, na UTI. Na saída, ele recebeu o carinho da equipe multiprofissional.
J.A.B.L fez uma alerta na saída para que as pessoas obedeçam ao isolamento social. “A quarentena está aí, se vocês acham que não vai acontecer com vocês, é bom se prevenir”, aconselha.
Fala Piauí