domingo, junho 21, 2020

Prefeito Kim do Caranguejo abre nova licitação para compra de caixões e assusta população luiscorreiense

O Prefeito da cidade de Luís Correia, Kim do Caranguejo (PP), abriu um novo processo licitatório para a compra de urnas funerárias, mortalhas, flores e velas para o município durante a crise do Coronavírus. Dessa vez ele reduziu a quantidade de caixões, mas não abriu mão de comprar a tão falada e criticada urna funerária. A licitação está prevista acontecer no dia 25 de junho de 2020, no valor total: R$ 144.234,15 (cento e quarenta e quatro mil, duzentos e trinta e quatro reais.
O prefeito Kim do Caranguejo, foi manchete de vários veículos de comunicação do Piauí por abrir licitação milionária para aquisição de urnas funerárias, diante do escândalo, o gestor voltou atrás e cancelou o processo, na época a cidade não registrava nenhum óbito pelo novo Coronavírus (COVID-19). 
Desde o inicio da pandemia a cidade só teve 5 óbitos. Na licitação anterior e cancelada depois da denúncia, o valor era de quase um milhão de reais, o prefeito previa a compra de 300 caixões. Agora a previsão de Kim do Caranguejo é que pelo menos 8 pessoas morra por mês de Coronavírus até o fim do ano, totalizando 60 urnas funerais. 
Com recursos expressivos entrando nos cofres da Prefeitura de Luís Correia, a cidade vive o pior de seus momentos. Além de não ter um estrutura mínima para o combate a pandemia que tem crescido consideravelmente na cidade, serviços essências estão deixando a desejar e irritando a população por estarem ausentes. Enquanto isso, em apenas um mês o Prefeito Kim do Caranguejo teve sua gestão denunciada por tentar realizar ações duvidosas com os recursos oriundos do Coronavírus. 
“A população quer saber o porquê do Prefeito está tão interessado nessa compra de caixões, pois na cidade falta cemitério e até coveiros apropriados para os casos de mortes por covid-19. São duas licitações em apenas um mês com números esquisitos. Ele precisa dar explicações” denuncia.