sexta-feira, julho 03, 2020

Piauiense acusado de estuprar duas filhas em SP já passou 14 anos preso por ter matado outra filha de 6 meses: VÍDEO

Um piauiense natural de Monsenhor Hipólito, identificado apenas pelas iniciais F. E. dos S., 44 anos, foi preso pela Polícia Militar da cidade de Jaicós, no Piauí, acusado de abusar sexualmente das suas duas filhas, de 05 e 12 anos de idade no estado de São Paulo. VEJA O VÍDEO:
 Reprodução/MN40º
Em entrevista ao programa MN 40º, Vanessa Melo, mãe das duas vítimas relatou como descobriu que suas filhas estavam sendo abusadas sexualmente pelo próprio pai. 
"Eu tenho três filhos com ele, um menino de 16 anos, e essas duas que tem uma que agora está com 13 e a pequenininha que agora está com 5 anos. Minha filha mais velha começou a querer se suicidar e ai eu estava muito preocupada com isso, não sabia o que fazer, ai comecei a levar ela para acompanhamento, até que quase 1 anos, ela conseguiu desabafar. Ele ameaçava ela para ela não falar, e depois que ele ficou desempregado, ela não estava mais suportando mais, eu chegava do serviço e ela estava deitada e eu não sabia o que estava acontecendo. Ele era um carinho extremo com as meninas, só que eu achava que era um carinho de pai, mas na verdade ele estava abusando das meninas." disse.
De acordo com o delegado do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa - DHPP, Marcelo Leal, o acusado já passou 14 anos presos por ter matado sua própria filha de 6 meses de idade, fruto de um outro relacionamento. 
"Policiais civis da Delegacia de Jaicós receberam uma denúncia dando conta de um individuo que estaria foragido da comarca de São Paulo e estaria residindo a cerca de 9 meses no município de Jaicós em companhia de uma mulher conhecida na cidade. Logo depois, com apoio da Polícia Militar, foram até a casa onde esse individuo se encontrava e conduziram ele a delegacia, e na delegacia confirmou-se que ele tinha em seu desfavor um mandado de prisão por estupro de vulnerável, então foi dado cumprimento. Inclusive ele já passou 14 anos preso em São Paulo por ter matado outra filha." declarou o delegado.
Fonte: TV Meio Norte