segunda-feira, agosto 10, 2020

Deputado Fábio Novo diz que Ciro se uniu a Bolsonaro para derrotar Wellington

O deputado estadual Fábio Novo (PT-PI) disse que há muito tempo está explícita a estratégia do senador Ciro Nogueira (presidente nacional do Progressistas) de montar um palanque em todo o Piauí para derrotar o projeto político liderado pelo governador Wellington Dias (PT-PI).
Na avaliação de Novo, a aliança de Ciro com o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) é a “prova inequívoca” de que o dirigente nacional do Progressistas trabalha para derrotar Wellington e tirar o PT do comando do Estado nas eleições de 2022, quando Nogueira pretende se lançar candidato ao Palácio de Karnak.
“Já era esperado [a ruptura]. O senador sempre deixou claro que seria candidato a governador em 2022, independente do apoio do PT. Ficou claro naquela carta com críticas ao governo, depois em áudios vazados criticando o governador, era uma clara estratégia de montar um palanque em cada município contra o governo. A aliança com Bolsonaro é uma prova inequívoca e parte da estratégia para derrotar esse projeto [do PT liderado por Wellington Dias]”, afirmou Fábio.
Fábio afirmou ainda que daqui em diante, “cada um deve cuidar e trilhar o seu caminho. Na política você perde uns e ganha outros”.
Entenda
O governador Wellington Dias divulgou um vídeo na noite da última quarta-feira (05) anunciando oficialmente o rompimento com o senador Ciro Nogueira. A decisão ocorreu um dia depois do governador se reunir com Ciro em Brasília.
Em contrapartida, também em um vídeo divulgado para a imprensa, o senador afirmou que durante a conversa com Dias em nenhum momento foi falado em ruptura por nenhuma das partes.
(Germana Chaves/Gp1)