quarta-feira, agosto 19, 2020

Preso pela Polícia Federal, Tony Trindade é transferido para penitenciária Irmão Guido

                             Jornalista Tony Trindade - Foto: Youtube
Itamir José de Sousa Trindade, o Tony Trindade, foi transferido nesta quarta-feira (19) da sede da Polícia Federal para a Penitenciária Irmão Guido, onde cumprirá prisão preventiva. Ele foi preso na manhã de ontem (18) durante a Operação Acesso Negado sendo acusado de atrapalhar as investigações da Operação Delivery, que investiga desvio de dinheiro público do Fundeb para o município de União.
Na Irmão Guido, Tony foi colocado no módulo familiar, onde acontecem as visitas íntimas, ou seja, ele não ficou em uma cela comum junto aos demais presos. A prisão do apresentador foi decretada pela 1º Vara Federal da Seção Judiciária do Piauí, por meio do juiz Leonardo Tavares Saraiva.
ENTENDA O CASO
O delegado responsável pelas investigações, Alan Reis, disse que Tony Trindade estava realizando o monitoramento diário das investigações da Polícia Federal, obtendo informações privilégiadas de caráter sigiloso. Segundo ele, com isso, o jornalista estaria antecipando as etapas da operação aos alvos, contribuindo com a destruição de provas e orientando as testemunhas a apresentarem depoimentos convergentes. 
"O alvo da operação teve acesso ilegal a informações que estavam resguardadas pelo sigilo investigativo. Durante os mandados de busca na operação Delivery, a gente pôde identificar algumas tentativas de interferência e embaraçamento à investigação", disse
O delegado afirmou que não restaram dúvidas de que o jornalista realizou o monitoramento indevido e ilegal das investigações. "Ele realizou encontros obscuros com o intuito de obter informações sigilosas, realizou acesso indevido a processos judiciais e apresentou e tentou manipular versões entre investigados e testemunhas", explicou o delegado.
Informações Piauí Hoje