sexta-feira, dezembro 18, 2020

Homem se recusa a pagar garotas de programa e PM é acionada no municipio de Cocal

Uma guarnição da Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência no mínimo inusitada, em que um homem, natural de Guaraciaba do Norte, estava se recusando a pagar os serviços de duas garotas de programa que ele contratou em um bordel na madrugada desta quinta-feira (17/12), em um motel de Cocal, município da região Norte do Piauí.
De acordo com informações do responsável pelo motel, a conta do estabelecimento estava paga, entretanto, o cliente estava discutindo com duas mulheres dentro do quarto e os servidores ao tentarem intervir para que os envolvidos chegassem a um acordo, o trio pediu para que a polícia fosse chamada.
As garotas relataram aos policiais que estavam apenas reivindicando o pagamento pelo encontro amoroso que aconteceu entre as partes. Segundo as mulheres, o homem chegou ao local de trabalho delas e as convidou para sair, na qual elas cobraram o valor de R$500,00, R$250,00 para cada uma, e o cliente respondeu que dinheiro para ele não era problema, pois o mesmo era servidor de uma grande empresa. Após o programa, o homem estava se recusando a pagar o valor cobrado.
Aos Policiais Militares o homem afirmou que estava sendo vítima de um verdadeiro 'assalto' e que não pagaria o preço pedido pelas garotas, pois o combinado entre eles teria sido um valor bem menor do que o agora cobrado.
Os policiais orientaram as partes a entrarem em um acordo logo, caso contrário, os envolvidos seriam conduzidos imediatamente para a Central de Flagrantes de Parnaíba-PI.
Depois de muito bate-boca e troca de ofensas, o homem resolveu pagar o valor cobrado pelas garotas e o caso ficou resolvido. 
Edição Portal do Rurik