quinta-feira, fevereiro 04, 2021

Caminhoneiro de 27 anos é flagrado com 120 unidades de 'rebite' na BR 230

                                                      Foto: Divulgação/PRF
Policiais Rodoviários Federais autuaram na tarde desta quarta-feira (03) um caminhoneiro de 27 anos que portava 120 unidades de comprimidos do medicamento Nobésio Extra Forte. A substância, comumente conhecida como “rebite”, é utilizada pelos motoristas como inibidor de sono, como forma de prolongar o tempo acordado e poder dirigir por longas distâncias.
A abordagem aconteceu na BR 230, no município de Floriano, sul do Piauí. Ao realizarem a busca pessoal, os policiais encontraram o material sob a roupa do caminhoneiro.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o homem informou que que havia comprado o medicamento para seu consumo próprio, na cidade de Feira de Santana(BA), porém não informou nem onde e de quem. Ainda segundo a PRF, essa é a segunda maior apreensão de anfetaminas no Piauí em menos de um ano.
"Diante dos fatos, foi lavrado um Termo Circunstanciado. A ocorrência foi encaminhada ao Juizado Especial Criminal na comarca de Floriano para os procedimentos necessários. O condutor se comprometeu a se fazer presente em audiência judicial referente à prática delituosa", informou a PRF.
Bom Jesus
Em Bom Jesus, também nesta quarta-feira, as equipes da Polícia Rodoviária Federal também autuaram um homem de 56 anos que portava 36 unidades do medicamento Nobésio Extra Forte, popularmente conhecido como rebite. A ação aconteceu na BR 135.
Os policiais realizaram a abordagem a um veículo de carga e, ao realizar busca pessoal, foram encontrados os comprimidos sob a roupa do caminhoneiro.
"O condutor informou aos policiais que havia comprado o medicamento, para seu consumo próprio, na cidade de Canto do Buriti/PI por R$ 40,00", destacou a PRF.
Após a abordagem, foi lavrado um Termo Circunstanciado. A ocorrência foi encaminhada ao Juizado Especial Criminal na comarca de Bom Jesus para os procedimentos necessários. O condutor se comprometeu a se fazer presente em audiência judicial.
Fonte: Cidade Verde