quinta-feira, fevereiro 18, 2021

PM estoura cativeiro e liberta duas pessoas amarradas e marcadas para morte em Parnaíba

A polícia militar chegou a tempo e prendeu 5 pessoas, livrando às supostas vítimas do cativeiro
Uma intervenção da polícia militar ocorrida por volta das 18hs 30 desta terça-feira(16), em imóvel localizado à Rua Dr. João Cândido, nº 1210, bairro Nova Parnaíba, conseguiu livrar da morte um adolescente de 16 anos e um outro rapaz de nome Luan Mota Lima.

No imóvel a policia encontrou os dois rapazes com as pernas amarradas, enquanto outros dois suspeitos conseguiram fugir da casa investigada. A polícia conseguiu deter 4 pessoas e posteriormente a moradora do imóvel identificada como Fabrícia Vieira Oliveira, 32 anos, natural de Araioses-MA.
Os homens presos foram identificados como:
Paulo César Rodrigues Santos, 30 anos - duas prisões por tráfico de drogas e uma receptação
Willian de Araújo Carvalho, 21 anos - passagem pela central quando era menor de idade
Geison Pereira Santos, 21 anos - furto tentado
Carlos Alberto dos Santos Silva, natural da Bahia - sem informações pessoais.
LUAN MOTA - VÍTIMADe acordo com a informação, "as vítimas seriam levadas de veículo ao meio da mata para serem mortas, só que o veículo não apareceu, mesmo assim seriam assassinadas no quintal da casa, cortadas em pedaços e jogados dentro de uma fossa séptica", contou a fonte ao PC.
Cordas usadas para amarrar as vítimas. Celulares apreendidos, um facão e máscara de palhaço.
Foto: Paulo César Rodrigues Santos - liberdade condicional por força do covidão. Na central de flagrantes, o delegado João Rodrigo autuou os 04 homens e mais a mulher com base nos artigos 129, 147, 148 e 288 do CPB. Nesta quinta-feira (18), serão levados para Penitenciária Mista se o respectivo flagrante seja convertido em preventiva. A prisão deles foi efetuada pela Força Tática sob comando do tenente Souza Filho.
Fonte: Portal do Catita