terça-feira, março 23, 2021

Mão Santa ganha mais uma vez na Justiça concessão da Agespisa em Parnaíba

O prefeito Mão Santa (DEM) conseguiu na Justiça retomar para a Prefeitura de Parnaíba o serviço de abastecimento d'água das mãos da Agespisa. A decisão é do juiz de Direito da 1ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública da Comarca de Teresina, Aderson Antônio Brito Nogueira. A informação foi postada na rede social do advogado da Prefeitura, Eliaquim Sousa Nunes, e confirmada pelo blog com o secretário de Governo, Fábio Barros.
Na decisão, o juiz determina o repasse dos bens ao município de Parnaíba, o impedimento da retirada de qualquer equipamento, bens ou insumos dos sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, a retirada da Agespisa ao final do processo de transição das instalações dos sistemas, que a Guarda Municipal possa adentrar as instalações dos sistemas para fins de resguardo do patrimônio público municipal e ainda o repasse de todos os dados técnicos e sobre os clientes.
O juiz reconheceu que a Agespisa despeja dejetos diretamente nos rios do município, causando "dano irreparável" ao meio ambiente, além de permitir a constante falta d'água. Ele alerta que, após a decisão, a Agespisa deve garantir o fornecimento regular do produto, sob pena de apuração de eventual responsabilidade civil, administrativa e penal.
A disputa do prefeito Mão Santa e de sua filha, a secretária Gracinha, para reaver a concessão do abastecimento d'água e esgotamento sanitário começou ainda na gestão anterior dele, com uma briga judicial que se arrastou até agora.
Por Arimatéa Carvalho/MN