quarta-feira, maio 19, 2021

Justiça marca data para julgar acusado de matar esposa a facadas em Luís Correia


Está marcado para o dia 9 de junho o julgamento pelo Tribunal Popular do Júri do mecânico Raimundo Neto Pereira, acusado de assassinar a esposa, a professora Selene Veras Roque com 26 facadas, durante uma discussão no município de Luís Correia.
A sessão está marcada para às 9 horas, na sala do Tribunal do Júri, no auditório do fórum de Luís Correia, situado na Rua Jonas Correia, nº 296, Centro. Raimundo será defendido pelos advogados Nazareno de Weimar Thé e Charles de Carvalho da Rocha.
Relembre o caso
A professora e diretora de um colégio municipal, Selene Veras Roque, de 28 anos, foi morta a facadas pelo companheiro, o mecânico identificado como Raimundo Neto Pereira, de 32 anos, durante uma discussão no município Luís Correia, situado na região Norte do Piauí, em junho de 2018.
O fato ocorreu após o casal chegar em casa, localizada no povoado Lameiro, zona rural da cidade. “Os dois tinham acabado de chegar de Parnaíba, cidade onde faziam pós-graduação. Ao entrarem na residência, teve início uma discussão entre eles, e o crime ocorreu”, informou o capitão Galeno, da Companhia Independente de Policiamento Turístico (Ciptur), na época.
Os dois têm uma filha que na ocasião tinha apenas 7 anos de idade e que não estava na casa quando o fato aconteceu. Posteriormente, Raimundo apresentou-se na delegacia onde foi interrogado pela autoridade policial e, confessou o feminicídio.