segunda-feira, maio 17, 2021

Piauí: Suspeito de fabricar armas e outros seis são presos durante operação policial

                                           Foto: Divulgação/PM-PI
A Polícia Militar do Piauí (PM-PI) realizou, no domingo (16), uma operação que prendeu sete pessoas e apreendeu 12 armas de fogo, várias munições e drogas no município de Paes Landim, distante 410 km de Teresina. Entre os presos está um homem suspeito de fabricar armas caseiras.
A operação foi realizada com a participação de 18 policiais militares, com o objetivo de reforçar o policiamento ostensivo, prevenir ações criminosas e coibir pequenos delitos no município. A Polícia Militar informou que foram realizadas barreiras em todos os acessos do município de Paes Landim, bem como abordagens a pessoas suspeitas e rondas em locais estratégicos.
Durante a operação foi preso um homem que é suspeito de fabricar armas caseiras no município. Com ele foram encontradas 4 espingardas, além de equipamentos utilizados para fabricação armas de fogo e peças semiprontas para montagem de armas.
Os policiais também prenderam 4 caçadores, que estavam com sete espingardas e várias munições. Segundo a PM, esses homens invadiam propriedades privadas e ameaçavam os proprietários que não permitiam o acesso deles aos terrenos para a de caça de animais.
Os policiais ainda prenderam um homem que é suspeito de tentativa de feminicídio contra a ex-companheira no início deste ano. Ele foi abordado e estava em posse de um revólver e seis munições.
Um homem também foi preso suspeito de tráfico de drogas, após ser flagrado com crack, cocaína e R$ 490 em dinheiro. “No ano passado este mesmo indivíduo havia sido preso com droga em outra operação policial, nesta ocasião ficou apenas 3 meses preso em São Raimundo Nonato”, informou a PM.
Todos os presos e os materiais apreendidos foram encaminhados para a Delegacia de Simplício Mendes. Participaram da operação policiais militares de Simplício Mendes, Paes Landim, Campinas do Piauí, São Miguel do Fidalgo e Socorro do Piauí.
Fonte: G1/PI