sábado, julho 24, 2021

Mulher suspeita de participar da morte do empresário Janes Castro é presa em Parnaíba

A Polícia Civil prendeu a vendedora comercial Élida Albuquerque, na manhã desta sexta-feira (23), na cidade de Parnaíba, no Piaui. Ela é suspeita de participar da trama criminosa que vitimou o empresário Janes Cavalcante de Castro, em setembro de 2020, no município de Parnaíba, Litoral do Piauí.
Élida Albuquerque é investigada por ter feito vários contatos com Vando Tenório, suspeito de comandar o bando que matou o empresário. Segundo as investigações, Élida, fez várias ligações telefônicas para Vando no período que ocorreu o crime. Durante as investigações ela foi chamada para depor. Questionada sobre os contatos com Vando Tenório que mora no estado de Pernambuco, ela preferiu o silêncio.
Dois homens suspeitos de terem envolvimento com o crime contínua foragidos. Um deles seria Mário Roberto Bezerra, mandante do assassinato, e Evandro Tenório Brito, líder de uma organização que agencia homicídios.
A prisão de Élida Albuquerque foi solicitada pela Polícia Civil. Agora, a suspeita se encontra na Central de Flagrantes e será transferido para a Penitenciaria Mista de Parnaíba, onde ficará à disposição da Justiça.
Portalhmonline