segunda-feira, julho 05, 2021

PI: Mãe agride delegado ao tentar evitar prisão do filho; família foi presa

                                                 Foto: divulgação Depre
Quatro pessoas da mesma família foram presas suspeitas de tráfico de drogas no bairro Promorar, na zona Sul de Teresina, nesta segunda-feira (05). O delegado Thiago Damasceno, da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre), explica que a equipe cumpria mandado de busca e apreensão contra um suspeito que havia saído há cerca de um mês da prisão e era monitorado por tornozeleira eletrônica. Contudo, ao chegar à residência, a familia se mostrou bastante agressiva e a mãe do suspeito não só tentou impedir a entrada dos policiais, como feriu o delegado e um agente da Polícia Civil.
"Antes mesmo da gente localizar o entorpecente, os ânimos já estavam exaltados, havia uma tentativa de impedir que a gente fizesse o nosso trabalho. Assim que encontramos a droga houve a agressão, inclusive, verbal. Acreditamos que não queriam que prendéssemos o suspeito que havia saído do presídio há pouco tempo. A mãe dele ainda chegou a pegar uma faca e nos ameaçar, mas não usou. A agressão se deu por meio de arranhões", explica Damasceno. No tumulto, o alvo do mandado conseguiu fugir de mototáxi e foi preso em seguida.
O delegado sofreu lesões nos braços e nas mãos. O agente foi ferido no pescoço. Os dois foram submetidos a exame de corpo de delito. Thiago Damasceno disse que a equipe agiu com cautela e não foi necessário nenhum disparo.
Na casa, a Depre apreendeu 274 pedras de crack, balança de precisão, além de quantia em dinheiro trocado. A família inteira assumiu a posse do entorpecente, mas na delegacia, informaram que a droga pertencia à mulher do suspeito que foi capturado após a fuga de mototáxi.
A família deve responder pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico. Já a mãe deve responder por mais dois crimes: lesão corporal e desacato.
Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com