quarta-feira, novembro 03, 2021

Luís Correia será a 4ª cidade do Piauí a oferecer tratamento de síndrome rara

Pela primeira vez, o Hospital Municipal Nossa Senhora da Conceição, na cidade de Luís Correia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SESA), realizou o tratamento de uma síndrome rara: a mucopolissacaridose. Em breve, a unidade irá poder tratar outros pacientes com a mesma síndrome, se tornando o quarto local que oferece o tratamento em todo o Piauí.
De acordo com a SESA, o primeiro paciente atendido foi o pequeno David Luís, que sofre com a doença rara. Desde o diagnóstico, David e sua família tinham que se deslocar, semanalmente, para Teresina para realizar as sessões do tratamento. A realização do procedimento na cidade se dá devido à aquisição dos equipamentos necessários e aos esforços da equipe da Saúde e do Hospital Municipal.
“Muita gratidão a Deus e a nossa gestora, Maninha, que nos deu todo o apoio na aquisição dos equipamentos necessários e, principalmente, à equipe do nosso Hospital Municipal e à nossa assistente social, Jackeline Marcela, que não mediram esforços para que conseguíssemos oferecer mais conforto e qualidade de vida para o pequeno David Luís e sua família. Temos outra criança com a mesma doença aqui em Luís Correia e muito em breve também estará realizando seu tratamento aqui em nosso Hospital que, a partir de agora, será o quarto hospital a realizar este tipo de tratamento no Piauí”, relata a secretária Municipal de Saúde, Marcela Furtado.

A primeira infusão foi acompanhada pelo diretor clínico do Hospital, quatro enfermeiros e três técnicos em Enfermagem, além da médica pediatra do Hospital Infantil Lucídio Portela, dra. Maria do Espírito Santo. A prefeita de Luís Correia, Maninha Fontenele, destaca que esse é o resultado dos esforços da Prefeitura para melhorar a saúde no município.
“Eu fico muito feliz em poder saber que, agora, essa família será atendida aqui mesmo na nossa cidade, sem precisar se deslocar para outro município. Esse é o resultado dos nossos esforços na luta por equipamentos e melhorias na saúde. Aproveito para parabenizar toda a equipe de Saúde e Assistência Social, responsáveis pelo sucesso desse feito inédito”, comenta a prefeita Maninha Fontenele.
A mucopolissacaridose é uma doença hereditária rara do metabolismo, causada pela formação irregular de enzimas e podem causam diversas manifestações, como hérnias, alterações faciais, limitações articulares, perda da audição, problemas respiratórios e cardíacos, aumento do fígado e baço e déficit neurológico.
Ascom PMLC