terça-feira, janeiro 25, 2022

Polícia do Piauí estoura fábrica clandestina de remédios fitoterápicos

                                               Foto: Ângela Bispo/TV Clube
Uma fábrica clandestina de remédios foi estourada pela polícia na Vila Irmã Dulce, na zona Sul de Teresina, nesta terça-feira (25), após uma denúncia anônima. O dono do local, identificado como foi Antônio Carlos Pereira da Silva, de 44 anos, preso em flagrante por policiais civis, militares acompanhados de técnicos da Vigilância Sanitária e da Secretaria da Fazenda.
                                               Foto: Ângela Bispo/TV Clube
No galpão, que fica atrás de uma residência, funcionava a produção clandestina de medicamentos fitoterápicos e no local, considerado insalubre pelos técnicos, foram encontrados compostos prontos e embalados e vários frascos vazios que seria colocados gotas e xarope.
Foto: Layza Mourão/G1
Os medicamentos seriam antigripais e remédios para dores nas articulações. A mercadoria não apresenta nota fiscal, além das condições insalubres para produção dos medicamentos.
A ação conjunta foi realizada por policiais da Força Tarefa da Secretaria de Segurança, da Delegacia Especializada no Combate aos Crimes Contra a Ordem Tributária e as Relações de Consumo (Deccoterc) juntamente com técnicos da Vigilância Sanitária que fizeram a apreensão do material e encaminhará à Deccoterc.
Um caminhão baú está sendo usado para retirar o material do galpão. A Vigilância Sanitária contabiliza os produtos apreendidos.
A polícia civil vai intensificar as investigações para saber há quanto tempo essa fábrica funcionava. O dono do local foi encaminhado para a Central de Flagrantes.
Operação contou com policiais da Força Tarefa, Deccoterc, PM e técnicos da Vigilância Sanitária.
Fonte: G1/PI